• Facebook
  • Facebook

Av. Indianópolis, 1960 | Planalto Paulista | Sao Paulo | SP

55 (11) 5581-2045 / 5072-4150 | (11) 99666-1455

Diretor Clínico: Dr. Raul Eid Nakano - CRM 46.514

Los órganos sexuales femeninos

Los órganos sexuales femeninos
Veja outros artigos da série Reprodução Humana

Diferente do masculino, os órgãos sexuais femininos em sua maioria ficam dentro do corpo, apenas a vulva, formada pelo clitóris, lábios maior e menor ficam externamente.

Os órgãos sexuais femininos é composto por:

  • Ovario
  • Trompas de Falópio (Tubas Uterina)
  • Útero
  • Vagina

Os ovários são os maiores órgãos sexuais femininos e se equivalem aos testículos, já que são os responsáveis pela fabricação dos óvulos e do estrogênio , após a puberdade.

O Estrogênio é o hormônio responsável pelas características femininas como pêlos pubianos, desenvolvimento dos seios, alargamento do quadril, mesntruação e depósito de gordura nos quadris e coxas.

Os óvulos se desenvolvem dentro do ovário e são liberados na ovulação. O óvulo é uma célula arredondada e não se locomove sozinha, sendo transportada pelos cílios nas trompas de falópio.

As Tubas uterinas são responsáveis pelo transporte do óvulo até o útero e pela fecundação do óvulo pelos gametas masculinos (espermatozóides).

No Útero é onde o bebê se desenvolve, o útero é um órgão muscular oco, em forma de pêra de ponta cabeça, situado entre a bexiga e o reto. Na parte superior ele recebe as tubas uterinas e se prolonga até a vagina. Durante a gestação um útero chega ao tamanho de uma bola de basquete.

Muita gente confunde a vulva com a vagina, já que o órgão sexual feminino é a vulva, a vagina é um canal achatado da frente para trás e se estende do útero a vulva, é na vagina que ocorre a eliminação do fluxo menstrual. É bastante elástica e, graças a essa característica, possibilita a passagem do bebê na hora do parto normal.

Finalmente, dois conjuntos de glândulas, un glândula vestibular maior (glândula de Bartholin) e a glândula vestibular menor, estão localizadas em ambos os lados da vagina e são responsáveis pela secreção de um muco lubrificante durante a excitação e a relação sexual.